PSICOTERAPIA: COMO ELA VAI SOLUCIONAR O SEU PROBLEMA?

Com o auxílio da fala, a psicoterapia proporciona transformações importantes na vida do paciente. Leia o artigo completo!


Por meio da fala se tem clareza do próprio sofrimento, isso porque um trauma ou desconforto que antes não era evidente se torna algo palpável. Além disso, fica muito mais fácil compreender as próprias angústias e realizar mudanças externamente.


Vale ressaltar que a terapia pode promover efeitos contínuos na memória, aprendizagem e processamento de emoções. Dessa maneira, há mudanças no comportamento e, consequentemente, melhora na qualidade de vida como um todo. A seguir, entenda melhor como a fala e os vários tipos de psicoterapia ajudam a chegar à cura.


psicoterapia

Como a psicoterapia ajuda a solucionar problemas?


Ao longo do tempo, os psicoterapeutas perceberam que a fala possibilita solucionar problemas, pois ajuda a reconhecer e amenizar angústias. Sigmund Freud, o pai da psicanálise, utilizou no início do seu trabalho psicoterapêutico a hipnose, sendo que, por meio do método, ele notou que questões reprimidas no inconsciente provocavam sintomas.


Logo, trazer esses assuntos para a consciência poderia sanar as manifestações negativas presentes no dia a dia. Porém, Freud viu que a hipnose não era eficaz em algumas pessoas, sendo a fala muito mais interessante na terapia. Isso porque ao externalizar traumas, o paciente compreende pontos que, antes, não eram evidentes.


O inconsciente


Para que Freud criasse um conceito de inconsciente, foi necessário focar no processo de escuta com o intuito de curar o que foi reprimido, ou pelo menos tornar essas questões conscientes.


Para isso, ele passou a interpretar os próprios sonhos, pois percebeu que ali continham imagens do inconsciente, com símbolos importantes, que poderiam auxiliar no procedimento terapêutico.


Porém, Freud notou que não eram apenas os sonhos que faziam uma ponte entre o inconsciente e o consciente, mas principalmente a fala. Dessa forma, entende-se que por meio das palavras o indivíduo consegue chegar a um processo catártico e, assim, colocar para fora o que estava reprimido e ocasionava desconfortos e patologias.


A cura pela fala


Provavelmente você já se pegou falando algo que não queria expor, até mesmo com algumas pessoas que não devia. Isso mostra o quanto a fala está associada com conteúdos do inconsciente. Além disso, ao externalizar, por meio das palavras, o que foi reprimido, esses dilemas ganham forma, ou seja, tornam-se conscientes.


Dessa forma, é possível encontrar soluções e ressignificar as sensações e sentimentos que foram recalcados. Outro ponto importante a ser considerado é que manter ideias negativas do passado afetam o presente, assim lembranças ruins causam sintomas.


Nessa lógica, a psicanálise busca tornar o sofrimento algo palpável, por meio da fala, para que, assim, o paciente possa assumi-lo e curá-lo.

Psicanálise e a cura pela palavra

A psicanálise utiliza a associação livre, um método que permite ao paciente expor tudo o que deseja, e até mesmo o que não deseja, sem se importar com regras e restrições. A ideia é justamente abrir mão das repressões que foram construídas ao longo da trajetória do indivíduo, para que ele possa abrir espaço e assumir seus verdadeiros desejos.


Além disso, muitos dos conteúdos reprimidos no inconsciente estão ligados a contextos sociais, isto é, algo que não é aceito por algumas pessoas, inclusive, muitas vezes, reprovado pela família. Tudo isso faz com que a pessoa acredite ter que eliminar certas características, que na verdade são fundamentais para constituir uma psique saudável.


Objetivo da psicanálise


Para Heráclito, filósofo pré-socrático, escutar é manter íntima conexão com a logos, uma inteligência que vai além da razão e princípios estruturados socialmente. Dessa forma, escutar não se relaciona apenas com os significados das palavras, mas, sim, com uma verdade escondida no inconsciente.


Por essa razão, o objetivo é compreender o que está escondido por trás do personagem que o indivíduo criou, para ser aceito em sociedade. Sendo assim, é preciso ir na direção do “perigo” de descobrir a si mesmo.


Um processo terapêutico que tende a ser complexo, uma vez que, o paciente optou, muitas vezes inconscientemente, por reprimir certos eventos da sua vida.

Benefícios da psicoterapia


Fazer psicoterapia é necessário para revelar a ambiguidade do discurso, isto é, desvendar e compreender os verdadeiros desejos. Para Freud, o indivíduo não tem total controle sobre sua própria vida, já que os conteúdos que foram reprimidos no inconsciente atuam de forma negativa na consciência.


Desse modo, o processo terapêutico procura dar à luz a essas temáticas, para que seja possível lidar com as próprias inquietações de forma coerente. Portanto, ir à clínica de psicoterapia pode promover inteligência emocional e o tratamento de doenças psíquicas, além de melhorar os relacionamentos, consigo mesmo e com as demais pessoas.


A psicoterapia funciona?


A terapia, de fato, funciona, pois auxilia no desenvolvimento do indivíduo, para que, com auxílio de um psicoterapeuta, seja possível desvendar a si mesmo. Lembrando que o processo de autoconhecimento não está associado a encontrar equilíbrio a todo custo, mas, sim, compreender as próprias angústias, a fim de lidar melhor com elas.


Sendo assim, a partir do momento que o paciente coloca para fora o que causa desconforto, ele consegue buscar soluções e transformar o que havia sido reprimido.



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo